18 Pokémons reimaginados como deuses maias

Depois de Dezembro de 2012 os maias ficaram famosos. Suas teorias (embora não terem sido concretizadas ainda) renderam documentários e filmes para o cinema. Seus deuses sempre foram representados de forma bem característica à cultura local, cheios de detalhes e com formas arredondadas, que se parecem cachos de cabelos (meio gay isso), mas enfim, ao olharmos para figuras assim na maioria das vezes associamos à cultura maia. Então um tumblr resolveu reunir imagens de Pokémons reimaginados como deuses maias. Ficou legal! O resultado você confere nas imagens a seguir:

1 – Articuno

pokemons-deuses-maias-maian-gods (16)


2 – Gengar

pokemons-deuses-maias-maian-gods (15)


3 – Gyrados

pokemons-deuses-maias-maian-gods (14)


4 – Leafeon

pokemons-deuses-maias-maian-gods (13)


5 – Lickitung

pokemons-deuses-maias-maian-gods (12)


6 – Lugia

pokemons-deuses-maias-maian-gods (11)


7 – Moltres

pokemons-deuses-maias-maian-gods (19)


8 – Miltank

pokemons-deuses-maias-maian-gods (10)


9 – Scyther

pokemons-deuses-maias-maian-gods (9)


10 – Zapdos

pokemons-deuses-maias-maian-gods (18)


A partir daqui com evoluções:

11 – Bulbasaur / Ivysaur / Venusaur

pokemons-deuses-maias-maian-gods (5)


12 – Charmander / Charmeleon / Charizard

pokemons-deuses-maias-maian-gods (4)


13 – Squirtle / Wartortle / Blastoise

pokemons-deuses-maias-maian-gods (6)


14 – Bellsprout / Victreebell / Weepinbell

pokemons-deuses-maias-maian-gods (17)


15 – Nidoran / Nidorino / Nidoking

pokemons-deuses-maias-maian-gods (3)


16 – Oddish / Gloom / Vileplume

pokemons-deuses-maias-maian-gods (2)


17 – Gible / Gabite / Garchomp

pokemons-deuses-maias-maian-gods (7)


18 – Cyndaquil / Quilava / Typhlosion

pokemons-deuses-maias-maian-gods (8)

Mais informações e Pokémons no Tumblr de Monarobot

Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: