Medo: Lojistas adaptam câmeras nos olhos de manequins para estudar seus clientes

Medo: Lojistas adaptam câmeras nos olhos de manequins para estudar seus clientes

Se desde criança você já desconfiava que os manequins estavam te observando, e achava que eles um dia se revoltariam e sairiam dali mantando tudo e todos, espere até conhecer esta novidade. Lojistas da Itália começaram a inserir câmeras nos olhos dos manequins das vitrines de suas lojas.

Desconfiança? Nada disso, o objetivo é estudar o comportamento de seus clientes. Com as imagens capturadas é possível realizar um estudo baseado na reação dos clientes, assim dá pra saber se aquela roupa que está no manequim agrada a todos ou não. O nome desta nova tecnologia é EyeSee.

As imagens são capturadas pelos olhos dos manequins e armazenadas para serem estudadas por um software de reconhecimento facial. A tecnologia é a mesma usada para reconhecimento de criminosos em densas áreas públicas, através dela além da reação é possível registrar a idade, sexo e raça das pessoas observadas. Através dos resultados encontrados com o estudo os lojistas podem personalizar melhor as ofertas da loja com produtos que mais agradam os consumidores. Conclusão: Da próxima vez que for ao shopping NÃO cutuque o nariz em frente às vitrines, você pode estar sendo observado.

[Via]

Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

3 respostas

  1. Bom, a raça é humana! A “tal novidade” identificara a etnia das pessoas oras, nada mais óbvio, já que está sendo filmado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    3 respostas

    1. Bom, a raça é humana! A “tal novidade” identificara a etnia das pessoas oras, nada mais óbvio, já que está sendo filmado

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: