CLOSE

Conheça as curiosas proteções contra minas terrestres dos tanques de guerra do passado

tanques-anti-minas-terrestres_11

As minas terrestres não são prejudiciais apenas às pessoas, elas na verdade são as melhores defesas contra tanques de guerra, por isso foram – e ainda são até hoje em dia – usadas em países que estão em guerra. Mas no passado elas eram difíceis de ser detectadas nos campos de batalha, e eram capazes de causar um dano grave nos tanques, então eles precisavam fazer alguma coisa.

Como a tecnologia na época ainda estava engatinhando, só lhes restavam usar a criatividade. O que eles fizeram então foi criar maneiras que pudessem se adiantar às explosões, ou seja, reforços adaptados na parte frontal dos tanques que pudessem provocar as explosões antes que as minas estivessem embaixo deles. Este modelo acima é só um deles. Eu achei interessante algumas ideias que eles tiveram, então resolvi compartilhar com vocês. Veja 16 modelos a seguir:



Publicidade


1.

tanques-anti-minas-terrestres_1


2.

tanques-anti-minas-terrestres_2


3.

tanques-anti-minas-terrestres_17


4.

tanques-anti-minas-terrestres_4



Publicidade



5.

tanques-anti-minas-terrestres_5


6.

tanques-anti-minas-terrestres_6


7.

tanques-anti-minas-terrestres_7


8.

tanques-anti-minas-terrestres_8



Publicidade



9.

tanques-anti-minas-terrestres_9


10.

tanques-anti-minas-terrestres_10


11.

tanques-anti-minas-terrestres_11


12.

tanques-anti-minas-terrestres_12



Publicidade



13.

tanques-anti-minas-terrestres_13


14.

tanques-anti-minas-terrestres_14


15.

tanques-anti-minas-terrestres_15


16.

tanques-anti-minas-terrestres_16

[AC]


Publicidade


Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
AUTOR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: