Já pensou em escalar paredes como uma lagartixa?

Já pensou em escalar paredes como uma lagartixa?Em um futuro próximo, pessoas usando pés artificiais poderão escalar paredes como o homem-aranha. Esse é apenas um exemplo das tecnologias apresentadas durante a TED, feira anual de Tecnologia, Entretenimento e Design que reuniu empresários, profissionais de Hollywood e renomados cientistas. Nesta edição, entretanto, o otimismo em relação às próximas novidades da ciência foram influenciadas pela complicada realidade atual. Como conseguir fundos para iniciativas embrionárias quando mercados de capital estão instáveis e investidores cada vez menos aceitam colaborar com projetos de risco foi um dos temas discutidos no evento.“Não é que ninguém está preocupado com a crise financeira, mas este é um local e um momento para darmos vasão ao otimismo e à criatividade. Esses inventores estão pensando no futuro e para eles o presente já é passado”, disse Martin Pazzani, CEO da Bluestone Partners, uma empresa de private equity de Berverly Hills. Embora o momento seja de crise, desde 2008, quando os problemas começaram a surgir no Vale do Silício, obter crédito para novos empreendimentos é um complexo desafio. Os visitantes da TED preferiram sonhar com o que farão nos próximos anos em vez de dar atenção aos problemas atuais. O biólogo Robert Full, da Universidade da Califórnia, e seus colegas de Stanford estudaram a textura do corpo de uma lagartixa e criaram um material adesivo que se agarra a qualquer superfície lisa e seca. Os pesquisadores exibiram um vídeo mostrando uma mulher que vestia “pés de lagartixa” para caminhar sobre uma parede. Já pensou em sair escalando prédios por aí? Acostume-se com a idéia.
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: