Cientistas desenvolvem Baterias feitas de Papel e Tinta de Nanotubos.

Cientistas desenvolvem Baterias feitas de Papel e Tinta de Nanotubos.

Cientistas da Universidade de Standford nos EUA desenvolveram uma bateria utilizando uma combinação de papel revestido com uma tinta especial construída à base de nanofios e nanotubos de prata. Ao cobrir o papel com a tinta, ela o torna um material altamente condutivo capaz de armazenar energia elétrica assim como as baterias comuns.
“Estes nanomateriais são especiais. Eles são […] […] uma estrutura tridimensional com um diâmetro muito pequeno. O pequeno diâmetro ajuda a tinta a se prender fortemente às fibras do papel, o tornando uma bateria ou supercapacitor incrivelmente durável. A bateria pode ser carregada e descarregada até 40.000 vezes, pelo menos uma ordem de grandeza maior do que as baterias de Lítio. Os nanomateriais são condutores ideais porque a eletricidade se move ao longo deles de uma forma muito mais eficiente do que os condutores comuns.” – disse Cui, um dos cientistas que está à frente do projeto. Veja no vídeo abaixo uma explicação sobre como a bateria funciona.

URL original do vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=QPTcQJPbGHw

[Stanford University via Geeky-Gadgets]

Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: