CLOSE

Todos a bordo! Agora você pode alugar uma casa de 2 quartos que flutua sobre o rio Tâmisa

casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_1

Se você vive na Inglaterra e está procurando por um lugar bem legal e diferente para morar, talvez esteja procurando no lugar errado. Existe uma opção que você não vai encontrar em terra, mas sim na água! Quem fabricou a casa é a Airbnb. A casa flutua sobre o rio Tâmisa, um famoso rio localizado ao sul da Inglaterra. A curiosa casa é completa, tem uma cozinha totalmente funcional, banheiro e dois quartos. Tem oito metros de altura e pesa 70 toneladas. Veja mais imagens e detalhes a seguir.


Publicidade



casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_2
casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_3

A sala de controle da “casa barco” fica na cozinha. Lá há um timão para controlá-la, algo que na maioria das cozinhas domésticas não existe. Pode até ser pequena, mas não subestime a casinha, ela é mais do que apenas uma “casa flutuante.” Tem um quintal com uma árvore de verdade – sim, uma macieira que dá maçãs – plantas e grama de verdade e até uma casinha de cachorro.

casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_4
casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_5
casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_6

O projeto em pleno funcionamento foi criado para celebrar novas regras que significam que os residentes do Reino Unido podem ganhar um aumento salarial de 15 por cento caso eles compartilharem suas casas através de sites como o da Airbnb.

Quer descobrir como é morar em uma casa assim? Melhor se apressar. Como se trata de um projeto experimental, a empresa disponibilizou a casa para aluguel somente até o dia 22 maio.

casa-flutuante-rio-tamisa-airbnb_7

[designboom]


Publicidade


Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: