Estudante cria bicicleta sem corrente e com roda sem aro. (com vídeo)

Estudante cria bicicleta sem corrente e com roda sem aro. (com vídeo)
Um estudante de design chamado Luke Douglas criou uma bicicleta bem diferente das que estamos acostumados a ver por aí. Seu invento possui uma roda enorme na parte de trás e não tem aros. Outra característica interessante da bicicleta é que ela não tem corrente, porém é tracionada por uma cinta. Apesar de se tratar de um protótipo, seu invento é perfeitamente funcional. Veja mais informações e um vídeo sobre a bicicleta a seguir.


Ele já escolheu o nome dela, Lunartic. Ao criar a Lunartic seu objetivo era tirar o máximo de proveito dos benefícios de bicicletas com rodas grandes. Bicicletas assim são mais rápidas, mas estáveis e mais confortáveis. Dentro da roda traseira há uma espécie de engrenagem enorme que faz parte da roda. A coroa é interligada a uma outra engrenagem menor através de uma cinta. Esta engrenagem menor é responsável por acionar a engrenagem da roda tracionando a bicicleta. Seria interessante se ele integrasse ao sistema de tração da bicicleta um dínamo, assim ela poderia se transformar em um carregador de bateria para o nosso celular, MP3 ou outros gadgets que usamos em nosso dia-a-dia. Apesar de interessante o invento de Luke (belo nome) é por enquanto apenas um protótipo. A Lunartic pode não ser a bicicleta perfeita, mas deve ser legal andar com ela e certamente chamaria bastante a atenção das pessoas na rua. Quem sabe um dia não veremos alguma parecida por aí.

[Via technabob]

Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
AUTOR

7 respostas

  1. O desingn poderia ser melhor. Essa rodinha da frente não ficou bom. Poderia terminar o projeto fazendo a bicicleta no estilo Tron, com as duas rodas sem aro e do mesmo tamanho. Ia ficar bem melhor.

    1. Concordo;
      A única coisa que não gostei foi a roda pequena na frente; Me lembrou aquelas bicicletas enormes de filmes antigos do aro 150 atrás e 5 na frente, porém invertida xD

      1. Caraca! Eu ia dizer a mesma coisa: lembra aquelas bicicletas de filme antigo, mas invertida.

        A rodinha da frente ficou fail mesmo, mas até desconsidero, por ser um protótipo.

        E gostei do coment do Simon: um dínamo seria perfeito. Eu olho pra essa roda e penso: “E daí?” Ela auto-sugere que deveria ter uma utilidade.

  2. Concordo com o pessoal, devia mesmo ter alguma utilidade essa bicicleta (fora a utilidade comum, claro), como gerar energia, mesmo que pra sua própria iluminação, e sinceramente, não precisamos nem falar da rodinha na frente….

    E por último, ele podia ter integrado algum sistema de marchas, pra tornar ela mais utilizável, pois acho que pelo tamanho do peão/coroa ela deve estar na marcha média, e essa nem sempre é a ideal.

    Mas como é um protótipo, boa sorte Luke, e que a força esteja com você!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também:

  • AUTOR

    7 respostas

    1. O desingn poderia ser melhor. Essa rodinha da frente não ficou bom. Poderia terminar o projeto fazendo a bicicleta no estilo Tron, com as duas rodas sem aro e do mesmo tamanho. Ia ficar bem melhor.

      1. Concordo;
        A única coisa que não gostei foi a roda pequena na frente; Me lembrou aquelas bicicletas enormes de filmes antigos do aro 150 atrás e 5 na frente, porém invertida xD

        1. Caraca! Eu ia dizer a mesma coisa: lembra aquelas bicicletas de filme antigo, mas invertida.

          A rodinha da frente ficou fail mesmo, mas até desconsidero, por ser um protótipo.

          E gostei do coment do Simon: um dínamo seria perfeito. Eu olho pra essa roda e penso: “E daí?” Ela auto-sugere que deveria ter uma utilidade.

    2. Concordo com o pessoal, devia mesmo ter alguma utilidade essa bicicleta (fora a utilidade comum, claro), como gerar energia, mesmo que pra sua própria iluminação, e sinceramente, não precisamos nem falar da rodinha na frente….

      E por último, ele podia ter integrado algum sistema de marchas, pra tornar ela mais utilizável, pois acho que pelo tamanho do peão/coroa ela deve estar na marcha média, e essa nem sempre é a ideal.

      Mas como é um protótipo, boa sorte Luke, e que a força esteja com você!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • • veja também: