Nós já ouvimos falar muitas vezes sobre dispositivos eletrônicos com telas dobráveis, como aquele Nokia Morph que conhecemos aqui no passado, mas todos estes aparelhos pareciam ser inviáveis ou invenções de filmes de ficção científica. Enfim parece que estamos cada vez mais perto de termos um aparelho com display flexível em mãos, e tudo indica que a empresa que introduzirá a novidade no mercado será a Samsung. Veja mais imagens e informações sobre o aparelho a seguir.

Se tudo correr bem, provavelmente até o final do ano que vem ele estará entre nós. Notícias sobre o lançamento do Samsung Galaxy Skin até então não passavam de rumores, mas parece que toda aquela história agora foi confirmada pela empresa. O smartphone tem sido conceitualizado de diversas formas, até mesmo em forma de pulseira, mas não se sabe se isto realmente será possível, assim como também não foi comfirmado se ele terá tecnologia touchscreen.

Displays flexíveis são possíveis graças a um material chamado ‘grafeno’. Este substrato de poliimida será o sucessor do vidro, material usado na maioria dos celulares e smartphones existentes no mundo. O grafeno é flexível o suficiente de forma a permitir que seja enrolado e dobrado sem qualquer alteração em sua funcionalidade ou desempenho, e o mais importante, sem sofrer qualquer dano à qualidade de imagem. Outra característica curiosa destes displays é o fato de serem super resistentes, acredite se quiser, mas são capazes de sobreviver a até mesmo golpes de martelo.


A Samsung apresentou o primeiro protótipo do aparelho na CES 2011. As dimensões do Samsung Galaxy Skin serão muito parecidas com as do Samsung Galaxy S2, medirá 22,1 x 6,7 x 0,8 cm, porém vale ressaltar que seu display terá um comprimento duas vezes maior quando não estiver dobrado. As verdadeiras especificações do aparelho ainda não foram confirmadas, mas tudo indica que o smartphone virá em duas versões, com 16 GB e 32 GB, terá 1 GB de RAM, processador de 1,2 Mhz Ghz (ainda não se sabe se será dual core) duas câmeras sendo uma frontal VGA e uma traseira de 8 megapixels, bateria de 1500 mAh e rodará Android.

Pelo visto a Apple terá que correr atrás do prejuízo, um smartphone com display flexível fará com que toda a atenção se volte para ele, mas tudo pode mudar quando o preço do Samsung Galaxy Skin for anunciado, pois por se tratar de uma nova tecnologia – a não ser que a Samsung faça mágica – ter um aparelho destes talvez seja inviável.

[Via CareAce]

veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!

close-link