black-sea-devil

O nome dele é Melanocetidae (da ordem de peixes Lophiiformes), mas também é conhecido como Black Sea Devil, ou “demônio negro do mar”. O peixe é dono de um semblante de poucos amigos e até então nenhum deles havia sido filmado vivo. Enfim, o peixe foi encontrado e filmado a 580 m (1900 pés) de profundidade – provavelmente pela primeira vez. Assista a seguir:

O vídeo, postado no YouTube em 21 de novembro pelo Instituto Monterey Bay Aquarium Research (MBARI), mostra o peixe de aparência assustadora (lembra dele naquela cena de perseguição do filme “Procurando Nemo” da Pixar?) nadando nas profundezas escuras de Monterey Canyon, uma região localizada na Califórnia, EUA.

O peixe é uma fêmea de 9 centímetros de comprimento. Mesmo que já tenha sido gravado em vídeo anteriormente, o pessoal do MBARI acredita que é a primeira vez que esta espécie em particular tenha sido filmada viva nesta profundidade.

“Os peixes da ordem Lophiiformes estão entre os mais raramente vistos entre todos os peixes de águas profundas”, disse o cientista sênior Bruce Robison do MBARI que estava no comando da missão de mergulho. Para filmar o peixe eles usaram um veículo robótico operado remotamente. “O ponto brilhante na ponta da ‘vara de pescar’ dele se projeta a partir da cabeça e serve como uma isca incandescente para atrair peixes menores para sua boca”, explica Robison. Vai encarar?

[BI]

veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!