A Intel está trabalhando no desenvolvimento de um novo controle remoto que será capaz de reconhecer o usuário que o está manipulando. O controle usará sensores de movimento sensíveis para realizar leituras a cada 100 nanosegundos para criar uma “identidade” do usuário. Após isso, com o controle em mãos o usuário poderá usufruir de uma lista selecionada com seus canais e programas favoritos.

Uma ótima ferramenta de controle para os pais, pois as crianças não seriam capazes de visualizar conteúdo adulto ou um programa ou filme inadequado para menores. Quem poderia usufruir do serviço também seriam as empresas de publicidade, pois as propagandas passariam a ser exibidas de acordo com a necessidade do usuário através da prática da publicidade segmentada. Uma questão um tanto polêmica, mas que não muda o fato da tecnologia ser interessante. De qualquer forma não veremos o controle tão cedo no mercado, visto que a tecnologia é atualmente apenas um “embrião” nos laboratórios da Intel nos EUA.

[New Scientist via Engadget]

veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!

close-link