Nesta última terça-feira (02) morreu Doug Engelbart. Daí você pensa: Quem é esse cara? Então eu digo que nas suas mãos tem algo que ele inventou! Sim, o mouse foi inventado por Engelbart, que além disso também ajudou na criação da ARPANet, a mãe da internet atual.

Ele foi uma pessoa muito à frente de seu tempo, e mesmo em 1968 ele já tinha idéias de conexão em massa, vídeo conferência e compartilhamento de telas. Engelbart já estava com a saúde complicada há algum tempo, e faleceu aos 88 anos dormindo calmamente em sua casa.

O legado que Engelbart deixou evoluiu muito desde o primeiro mouse criado, e abaixo contamos um pouco sobre esta história, começando pelo primeiro mouse, que era composto de uma carcaça de madeira e duas rodas metálicas por dentro.

Algum tempo depois o primeiro “mouse de bolinha” – como a maioria prefere chamar, foi criado. Este da imagem abaixo foi feito para a Xerox PARC por Bill English e Jack Hawley, e foi um dos primeiros de bolinha que existem.

Um dos primeiro mouses vendidos comercialmente foi o que vinha junto com o computador pessoal Lisa, fabricado pela Apple, este aí debaixo.

Em 1982 a Microsoft lançou o primeiro mouse para computadores pessoais, também conhecido como PCs.

Mesmo com sucessos anteriores, a Apple lançou o modelo Hockey Puck em 1998 e foi uma das poucas invenções de Jobs que não deu muito certo.

A partir daí o mouse chegou num padrão mais conhecido para a nossa geração, possuindo vários modelos diferentes.

Desde modelos mais exóticos como o modelo abaixo.

Passando por mouses requintados como esse em formato de barra de ouro.

E por mouses feitos especialmente para pessoas canhotas.

Mas para mim, nada substitui o bom, velho e comum mouse padrão! Obrigado Doug Engelbart!

Tags:
veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!