Enquanto nós brasileiros nos divertíamos e descansávamos no feriado, o mundo passou por uma revolução. Sim, começou uma nova era no campo da robótica. A empresa de robótica Boston Dynamics divulgou oficialmente o Handle, um robô “pau pra toda obra” de 1,98 m de altura na última segunda-feira (27), semanas depois de um vídeo breve, porém impressionante, que vazou após uma conferência no início deste mês.

Agora a empresa divulgou um vídeo oficial que confirma que o Handle reúne tudo o que amamos e “tememos” em robôs. Assista a seguir:

O robô tem rodas nos pés e dois braços ligados à área do quadril. Suas mãos são nubs de borracha que podem ser trocados para uma variedade de opções como pinças ou ferramentas (e porque não armas!?). Ele tem um torso e peito, mas não tem cabeça.

Também é incrivelmente ágil e atlético. No vídeo, ele anda sobre superfícies irregulares, gira bruscamente e até salta a uma altura de 1,22 m verticalmente enquanto anda a uma velocidade 14,5 km/h.

O que mais impressiona no robô é sua habilidade de manter seu equilíbrio diante dos obstáculos. Segundo a própria Boston Dynamics, o mais notável no Handle é que, ele faz muito mais utilizando apenas 10 juntas de atuador, colocando ele em uma posição menos complexa do que a maioria de seus robôs bípedes e quadrúpedes anteriores criados, e mais eficiente em termos de consumo de energia.

Handle também é bastante forte, é capaz de segurar com delicadeza uma caixa pesando 45 quilos e andar com ela por aí. Ele também roda tranquilamente em ambientes com neve, areia e até mesmo sobe ou desce escadas.

Você talvez pense que um robô como este poderia muito bem ser útil como salva-vidas em missões de busca e resgate, e você tem razão! E porque não nos ajudar com nossas tarefas domésticas, assim como a Rose da série de desenhos Os Jetsons de Hanna-Barbera. O problema é que a Boston raramente comercializa seus robôs.

A esperança é que estes esforços sejam aplicados em áreas como estas, mas infelizmente todos nós sabemos que os governos — principalmente o americano — priorizam a segurança militar. Será este o princípio de uma “dominação mundial robótica”? Você pode até pensar que isto talvez seja loucura, mas Handle provou que os robôs podem ser perigosos se forem manipulados pelas mãos erradas. De qualquer forma temos que aceitar: Handle já é uma realidade entre nós.

[mashable]

veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!

close-link