Um fazendeiro chinês chamado Shu Mansheng resolveu largar sua profissão para se arriscar em uma nova carreira, a de inventor. Para provar pra todos que ele não está para brincadeiras ele resolveu criar um enorme veículo voador (que voa de verdade) utilizando apenas criatividade, produtos caseiros e muita gambiarra.

A aeronave lembra muito os quadricópteros da Parrot, possui oito hélices ligadas a motores de motocicletas e um abrigo ao centro destinado a apenas uma pessoa. O veículo não oferece nenhuma proteção ao piloto. A impressão que temos durante todo o tempo é que o piloto está à beira da morte, que alguma hélice irá se desprender dos motores a qualquer momento.

Esta não é a primeira vez que Shu Mansheng cria uma máquina assim, ele já tem uma certa experiência por ter criado uma aeronave parecida há um tempo atrás. Em seu invento anterior, sua aeronave mal saia do chão e apresentava uma flutuação bastante instável. É possível vê-lo em ação neste vídeo.

Pelo visto esta invenção é praticamente igual à sua versão anterior, tem apenas algum detalhe ou outro diferente. Ela tem 5,48 m de diâmetro e possui as mesmas 8 hélices que a invenção anterior tinha. O que mais chama a atenção são os materiais e métodos utilizados para que o veículo funcione: uma garrafa de refrigerante é o compartimento de água para refrigeração dos motores, e hélices de madeira que provavelmente foram confeccionadas artesanalmente são ligadas manualmente e ficam muito próximas dele.

Para construí-la o inventor investiu mais de US$ 3 mil em peças. O interessante é que Mansheng aprendeu eletrônica e mecânica por conta própria, sempre quis desenvolver máquinas voadoras e planeja até mesmo fundar uma escola que ensine conteúdos “diferentes” dos colégios convencionais – além de querer que sua nave permaneça por mais tempo no ar, claro. E você, teria coragem de voar dentro de um destes?

[REUTERS – via technabob]

Tags:
veja também:
comentários

Curtiu? Acompanhe o
ROCK'N TECH no Facebook!

close-link