Chegou o Natal e assim como no ano passado você “pensou” que a grana iria dar, mas mais uma vez se enganou, certo? Tudo bem, isso acontece e não é só com você, é um problema comum. Agora se aquela sua árvore de natal já tem mais de 5 anos e precisa ser trocada, não esquente se não sobrou nem dinheiro para comprar uma nova, faça uma de papelão! Esta da imagem está exposta em um Museu de Londres. Veja mais modelos das árvores a seguir.

Ok ok, a situação está difícil, mas não é pra tanto, entendo, mas se ainda sim sua personalidade “ecologicamente correta” falar mais alto, por que não tentar criar uma igual? A ideia desta árvore que vemos nas imagens é do designer britânico Giles Miller.

Giles criou três árvores. As árvores estão em exposição ao público no Design Museum, em Londres. A maior delas tem um design mais interiço e algumas ranhuras na parte de dentro que imitam galhos. Para que ela fosse criada foi necessário utilizar cerca de 3600 caixas de papelão. Ela tem 6,09 metros de altura e de acordo com seu criador é atualmente a maior árvore de papelão já construída, título este que deverá ser reconhecido pelo Guinness em breve.

As outras duas árvores são mais parecidas com árvores de verdade. Os papelões dela são cortados em tiras e colados um a um formando um círculo cada vez menor até atingir o topo da árvore. Apesar de serem mais bem feitas elas são menores, a maior delas tem cerca de 80 cm e a menor tem apenas 40 cm de altura. Não as subestimem por serem feitas de papelão, as árvores podem ser itens interessantes para decorar lojas, áreas comerciais ou mesmo dentro de casa.

Giles Miller está vendendo as árvores, mas apesar de serem apenas árvores feitas de papelão o preço delas está um pouco caro, a maior custa £ 40 (cerca de R$ 113) e a menor custa £ 25 (cerca de R$ 70), mas olhando pra elas não vejo muita dificuldade em criá-las. Por que não tentar? Não jogue fora suas caixas, corre que ainda dá tempo! Boa sorte!

[Via Inhabitat]

Categorias: ArteCuriosidades
Tags: 
Veja Também:
Pela Web:
Comentários